carrinhode compra 
Carrinho de Compras

* Calcule seu frete na página de finalização.

* Insira seu cupom de desconto na página de finalização.

TEPEV é indicado para o tratamento de leucemia (câncer de origem na medula óssea) mielocítica crônica resistente e melanoma (tumor maligno que deriva do melanócito – célula que produz a melanina).
EMS
Product ID: 621
Product SKU: 621
New In stock />
TEPEV 500 MG CX C/100 CÁPSULAS DURA (EMS)

TEPEV 500 MG CX C/100 CÁPSULAS DURA (EMS)

Destaque
 

  Conservação: Entre (15°C e 30°C) |   Conteúdo: 100 Cápsulas |   Princípio Ativo: Hidroxiuréia |   Laboratório: EMS |   Uso: Via oral |   Genérico: Não

Tepev - Hidroxiuréia

Tepev é indicado para o tratamento de leucemia (câncer de origem na medula óssea) mielocítica crônica resistente e melanoma (tumor maligno que deriva do melanócito – célula que produz a melanina).

Tepev, combinado com radioterapia, é também indicado para o tratamento de câncer de células escamosas primárias de cabeça e pescoço (com exceção dos lábios) e câncer de colo uterino.

 Reações adversas:

Depressão da medula óssea (leucopenia, anemia e trombocitopenia).

Gastrintestinais

Estomatites  (inflamação da mucosa oral), anorexia, náusea, vômitos, diarréia e constipação (prisão de ventre).

Dermatológicas

Erupção maculopapular (erupção na pele caracterizada pelo aparecimento de manchas avermelhadas), eritema facial, eritema periférico, ulceração da pele (ferida de cicatrização difícil) e alterações da pele como dermatomiosite (inchaço e inflamação dos músculos). Observou-se hiperpigmentação (escurecimento da pele), pigmentação das unhas, eritema, atrofia da pele e unhas, descamação, pápulas violáceas (lesão cutânea saliente de cor violeta) e alopecia (queda de cabelo) em alguns pacientes após vários anos de tratamento de manutenção diária (longa duração) com Tepev.

Alopecia ocorre raramente. Câncer de pele também foi raramente observado.

Vasculite cutânea, incluindo ulcerações decorrentes da vasculite cutânea e gangrena, ocorreram em pacientes com doenças mieloproliferativas durante o tratamento com hidroxiureia. A vasculite cutânea foi relatada mais frequentemente em pacientes com um histórico de uso de, ou recebendo tratamento combinado com interferon.

Neurológicas

Sonolência; raros casos de cefaleia (dor de cabeça), tontura, desorientação, alucinações e convulsões.

Renais

Níveis elevados no sangue de ácido úrico, ureia e creatinina; raros casos de disúria (dificuldade e dor ao urinar).

Hipersensibilidade

Febre induzida por medicamentos.

Febre alta (> 39 °C) que requer hospitalização foi relatada em alguns casos concomitantemente com manifestações gastrointestinais, pulmonares, musculoesqueléticas, hepatobiliares, dermatológicas ou cardiovasculares. O quadro tipicamente ocorre dentro de 6 semanas do início com hidroxiureia, mas é prontamente resolvido após a sua descontinuação. Na readministração de hidroxiureia, a febre reapareceu dentro de 24 horas.

Outras

Febre, calafrios, mal-estar, astenia (fraqueza muscular), azoospermia (ausência de espermatozóides) ou oligospermia (número reduzido de espermatozóides), aumento de enzimas do fígado, colestase (redução do fluxo do líquido biliar) hepatite e síndrome da lise tumoral. Retenção anormal de bromossulfaleína foi também relatada. Casos raros de reações pulmonares agudas [infiltrados pulmonares difusos/fibrose e dispneia (falta de ar)].

Em pacientes HIV-positivos recebendo tratamento combinado de hidroxiureia e outros medicamentos antirretrovirais, em particular a didanosina + estavudina, relatou-se pancreatite fatal e não-fatal, hepatotoxicidade e falência do fígado resultando em morte e neuropatia periférica grave.

        SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE O MÉDICO E O FARMACÊUTICOLEIA A BULA

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.
    Produtos relacionados

    Fale conosco


    E-mail: contato@progoods.com.br

    De Segunda à Sexta-Feira das 09hs às 18hs
    Exceto Feriados


    CNPJ: 19.094.337/0001-33
    Endereço: Rua da Consolação, 1681 - 1º Andar
    Cep: 01301-100 Consolação - São Paulo/SP


    CNPJ: 20.819.750/0001-05
    Endereço: Av. Eldes Scherrer Souza, 975 Pq. Residencial Laranjeiras
    Cep: 29165-680 Serra /ES


    • Farmacêutica Responsável-SP
    • Nome: Carla Alves de Queiroz Ferreira
    • CRF: 66.209-SP
    • CMVS: 355030801-477-010444-1-9
    • Alvará de Funcionamento da ANVISA: 25351.372905/2018-67
    • AnvisaCRF São Paulo

    • Farmacêutica Responsável-ES
    • Nome: Nathielle Soares de Novaes Pimentel
    • CRF: 6074-ES
    • CMVS: 47127/2021
    • Alvará de Funcionamento da ANVISA: 25351.898438/2016-39
    • AnvisaCRF São Paulo

    Pagamento

    Pagamento à prazo
    • Cartão Visa
    • Cartão Master
    • Cartão Diners
    • Cartão Elo
    • Cartão Aura
    • Cartão Hipercard
    Pagamento à vista
    • Boleto - Vindi
    • Cartão Discover
    • Cartão Visa Electron
    • Cartão JCB
    • Cartão MasterCard Maestro
    • Deposito TED
    • Auxílio Emergencial Caixa - Vindi

    Compra segura

    • Google Safe
    • Loja Protegida

    Redes Sociais